Liderança

Conselho

foto Robert Blair Thomas

R. Blair Thomas é CEO e Presidente do Conselho da EIG, além de presidir seu Comitê Executivo e Comitê de Investimentos. A EIG atua como um dos maiores investidores institucionais em energia e infraestrutura no mundo. Thomas também é membro do Conselho de Administração e do Comitê de Investimentos da FS/EIG Advisor, a maior empresa não listada focada no desenvolvimento de negócios de energia. A EIG fazia parte da Trust Company of the West, onde Thomas atuava como Diretor Executivo e membro do Conselho de Administração da TCW Asset Management Company. Antes de ingressar na EIG em 1998, ele foi diretor sênior de investimentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e advogado especializado em financiamento de projetos no escritório Brown & Wood em Nova York. Atuou na Casa Branca durante o governo do presidente americano George H. W. Bush como consultor sobre política energética e orçamento. Thomas é formado pela Universidade de Virgínia, diplomado pela Faculdade de Direito de Nova York e mestre em Direito pela Universidade Georgetown. Ele preside o Conselho de Administração da Harbour Energy Plc (HBR.L).

foto Kevin Lee Lowder

Lowder é Diretor Executivo da EIG Global Energy Partners e comanda o escritório da EIG no Rio de Janeiro, sendo atualmente responsável pelas operações e atividades de investimento no Brasil. Ingressou na EIG em 2007 no time de investimento em petróleo e gás em Houston. Liderou as atividades de investimento e gestão de fundos relacionadas aos Fundos de Energia e Fundos de Projetos Globais da EIG com foco internacional, incluindo atribuições de longo prazo no escritório da EIG em Londres e um período de cinco anos em Sydney atuando na cobertura dos mercados australiano e asiático. Antes de a EIG se tornar independente da Trust Company of the West, Lowder foi funcionário da TCW Asset Management Company. É formado em Finanças com especialização em Energia pela Universidade do Texas em Austin. Lowder é Vice-Presidente do Conselho de Administração da Prumo Logística S.A. e da Açu Petróleo S.A.

Ricardo se juntou ao Mubadala em 2016 como Diretor de Operações e Relações Institucionais, possuindo mais de vinte anos em atividades diretamente e indiretamente relacionadas à gestão de fundos.

Ricardo especializou-se em gestão e profissionalização de empresas, melhoria de performance, restruturações de empresas, privatizações e planejamentos estratégicos. Entre 2014 e 2016, ocupou a posição de Head do Private Equity da Modal Investimentos, com 04 FIPs em diversos setores (Óleo & Gás, Hoteleiro e Energia). Posteriormente, entre 2013 e 2014, foi CFO da Ferroport (antiga LLX Minas-Rio) – dos maiores projetos da iniciativa privada em andamento do mundo, preparando a empresa para o início de sua operação. Ao longo de sua carreira, atuou como CEO e CFO em empresas como Leader Magazine, Brasbunker, Sundown Motos, e pela Alvarez & Marsal, no período de 2003 a 2011, atuou nos processos de restruturação de empresas como Parmalat, Varig, Casa & Vídeo, Parras (México), Cinemas Hoyt (Chile), Tyco (EUA), dentre outras.

Atuou também no Conselho de Administração ou Consultivo de empresas como Taesa, Georadar, Enesa, Brastec e Yenzah.

Ricardo é formado em Administração de Empresas pela PUC-RJ.

Luiz Reis é sócio fundador da Lakeshore Partners e possui 25 anos de experiência em infraestrutura e Structured Finance. Antes de Sócio da Lakeshore, entre 2010 e 2011, Luiz foi Head de Corporate & Investment Banking do Banco Santander no Brasil; Managing Director do Banco ABN AMRO Real de 2006 a 2008, instituição na qual ingressou em 1991 e ocupou diversos cargos na originação e execução de transações de Corporate & Investment Banking. Formação: Luiz é formado em Economia pela UnB, com MBA pela J.L. Kellogg Graduate School of Management.

foto Jorge Marques de Toledo Camargo​

Aos 67 anos, Camargo tem mais de 40 anos de experiência no setor de óleo e gás. Formado em Geologia pela Universidade de Brasília, tem mestrado em Geofísica pela Universidade do Texas em Austin. É membro dos Conselhos de Administração do Grupo Ultra, Prumo Logística Global e Açu Petróleo. Foi Presidente (2015-2018) e hoje é membro do Conselho do Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP). É Vice-Presidente do Conselho Curador do Centro Brasileiro de Relações Internacionais (CEBRI). Trabalhou por 27 anos na Petrobras no Brasil e no exterior. De 2000 a 2003, integrou a Diretoria Executiva da Petrobras como responsável pela divisão internacional. De 2003 a 2009, trabalhou na Equinor, inicialmente na sede em Stavanger, como Vice-Presidente Sênior e posteriormente como Presidente da Equinor Brasil. Também foi consultor sênior da McKinsey & Co Brasil de 2012 a 2019.

foto José Alberto de Paula Torres Lima​

Lima tem mais de 25 anos de experiência no setor energético. Engenheiro civil, tem MBA em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e fez cursos de pós-graduação na França e nos EUA. Foi Vice-Presidente de NBD e Ventures na Shell Chemicals de 2012 até maio de 2016. Ocupou outros cargos na Shell no Brasil e no exterior, como Vice-Presidente de GNL, Monetização de Gás e Energia Eólica na Shell Upstream Americas em Houston (2009 -2012), Presidente da Shell US Gas & Power (2002-2006), Líder de Projetos de M&A na Shell International Gas em Londres (2001-2002) e Gerente de Finanças e Planejamento Corporativo (1989-1996) ao ingressar na Shell Brasil.

foto Iêda Gomes Yell​

Ieda é conselheira da Câmara de Comércio Brasil-Grã-Bretanha, diretora da Divisão de Energia do Departamento de Infraestrutura da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e membro do Conselho de Administração da Saint Gobain (França), do The Institute of Directors (Reino Unido) e da Exterran Corporation (EUA). É pesquisadora visitante sênior no Oxford Institute of Energy Studies, conselheira sênior e integrante do Conselho Consultivo da FGV Energia, além de participar do Comitê do Programa GNL-2022. Ieda tem mais de 30 anos de experiência internacional no desenvolvimento de projetos, joint ventures e estudos nos mercados de gás natural, GNL e energia solar. Ocupou cargos de liderança por mais de 13 anos na BP Plc em Londres e no Brasil, exercendo funções de Vice-Presidente de New Ventures, Presidente da BP Brasil, VP de Gás para América Latina e VP de Desenvolvimento de Mercado da BP Solar. Antes de trabalhar na BP, Ieda foi Presidente da Comgas em São Paulo, de 1995 a 1998, liderando o processo de privatização e reestruturação societária da maior distribuidora de gás do Brasil. É engenheira química formada pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com mestrado em Energia pela Universidade de São Paulo (USP) e Engenharia Ambiental pela Escola Politécnica Federal de Lausanne, na Suíça. Publicou dezenas de artigos sobre energia e gás natural e realiza apresentações em conferências por todo o Brasil e no exterior, incluindo Gastech, World Gas Conference, World Petroleum Conference, Rio Oil & Gas, Middle East Forum e Petrotech. Recebeu o prêmio Veuve Clicquot de Mulher de Negócios do Ano – Brasil 2001-2002.

foto Franklin Lee Feder​

Franklin L. Feder é um executivo experiente em funções de consultoria e teve uma longa e bem-sucedida carreira em gestão. Ingressou na Alcoa em 1990 e conquistou cargos de responsabilidade, sendo sua décima posição a de CEO Regional para América Latina e Caribe. Previamente, foi Vice-Presidente Corporativo e Diretor Financeiro para América Latina. Antes da Alcoa, Feder foi sócio da empresa de consultoria em gestão Booz, Allen & Hamilton. É formado pela Fundação Getulio Vargas de São Paulo e tem MBA pelo IMD em Lausanne, na Suíça. Feder atua no Conselho de Administração de cinco empresas, sendo três empresas nos EUA.

Diretoria

foto Tadeu Fraga

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), em 1980, ingressou na Petrobras em 1981, onde permaneceu até 2014, tendo ocupado diversas funções técnicas e gerenciais. Tem especialização em Engenharia de Petróleo, pela Universidade de Alberta, no Canadá (1988), em Administração de Empresas, pela Universidade de Columbia, nos EUA (1992), em Gestão Tecnológica, pelo INSEAD, na França (2003) e em Liderança Estratégica, pela London School of Economics and Political Science, na Inglaterra (2006). De 2017 à 2018, atuou como presidente da Dome, empresa brasileira que atua nos ramos de operações marítimas, gestão de integridade de instalações e logística, JV entre GranIHC e Prumo Logística. Em agosto de 2018, aceitou a posição de presidente da Porto do Açu Operações, empresa que administra o Porto do Açu. Em junho de 2019, assumiu a atual posição de CEO da Prumo.

foto Eugênio Figueiredo

É formado em economia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UFRJ), com MBA em Finanças pelo IBMEC. Executivo altamente experiente, com 20 anos de atuação em Project Finance, fusões e aquisições e desenvolvimento de negócios. Iniciou sua carreira profissional na Vale, através do Programa de Trainee, no ano 2000 e trabalhou no Departamento de Desenvolvimento de Negócios e Fusões e Aquisições por 6 anos. Depois disso, entrou no Grupo EBX para ser parte do time que iniciava o processo de IPO da MMX Mineração e Metálicos S.A., que foi o primeiro lançado pelo Grupo em meados do ano de 2006. Ficou na MMX por 2 anos. De 2008 a 2012, atuou no time de Corporate Finance que trabalhava em todas as operações de IPO, Project Finance, M&A e desenvolvimento de negócios para todas as companhias do Grupo. Desde 2012 atua como Diretor Financeiro (CFO) da Prumo Logística, tendo atuando em operações de M&A, relações com investidores, processo de fechamento de capital da Prumo e vários processos de captação de dívida para subsidiárias totalizado vários bilhões de dólares.

foto Flávio Valle

Advogado formado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), com um MBA Executivo (General Management Program) pela Harvard Business School (HBS) e pós-graduação (LLM) em Direito Empresarial e Mercado de Capitais pela Fundação Getúlio Vargas. Diretor Estatuário da Prumo desde o ingresso da EIG – Energy Global Partners na Companhia no final do ano de 2013. Durante o período na Prumo, Flavio ocupou as funções de Diretor Jurídico, Diretor de Business Development, Transações e M&A. Antes de juntar-se ao Grupo Prumo, o Sr. Flavio integrou o escritório de advocacia Veirano Advogados, atuando em relevantes operações de mercado de capitais, infraestrutura, financiamento de projetos (project finance) e praticando também direito empresarial/societário, contencioso cível e arbitragem (sobretudo internacionais).

foto Eduardo Quartarone

Graduado em Direito pelo Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais – IBMEC. Iniciou sua carreira na Prumo em 2010 e é, atualmente, Diretor Jurídico da Companhia. Eduardo integrou, a equipe do escritório de contencioso estratégico e arbitragem, Nunes Ferreira, Viana Araujo, Cramer e Duarte Advogados e, posteriormente, a equipe da MPX Energia S.A., participando de grandes transações nas áreas de direito societário, cível, arbitragem e financiamentos. Contribuiu para a estruturação societária e constituição das empresas Açu Petróleo, BP Prumo e Ferroport. Teve importante participação na negociação dos contratos comerciais da Companhia, bem como na obtenção dos financiamentos da Prumo e da Açu Petróleo. Eduardo é, atualmente, membro do Conselho de Administração da Ferroport. Em 2017 atuou como International Associate no Debevoise & Plimpton em Nova York.

foro Eduardo Kantz

Atual Diretor de Sustentabilidade e Relações Institucionais da Prumo, Eduardo Kantz foi Diretor de Sustentabilidade da Porto do Açu, subsidiária do Grupo. Com mais de 15 anos de atuação nos setores de energia, óleo e gás e infraestrutura, Kantz trabalhou por 7 anos na Eneva, ocupando posições de liderança nas áreas jurídica, regulatória e de sustentabilidade. Anteriormente, atuou no Grupo Michelin e em escritório de advocacia. É professor-convidado dos cursos de pós-graduação da FGV e do Centro de Estudos Jurídicos da Procuradoria do Estado do Rio de Janeiro. Ocupa a posição de Chairperson do Comitê de Sustentabilidade da Câmara Americana de Comércio. Graduado em Direito pela PUC-Rio, possui pós-graduação em Direito Ambiental pela PUC-Rio e em Direito Empresarial pela FGV.

foto Angela Serpa

Formada em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, com MBA Executivo pelo Coppead e Gestão Estratégica de RH pela Ross School of Business/Michigan. Atua há mais de 10 anos em Recursos Humanos, tendo vasta experiência na área operacional (engenharia e implantação de obras) adquirida ao longo de 7 anos. Desenvolveu a maior parte da carreira na Andrade Gutierrez, à época com mais de 30mil funcionários, liderando a reestruturação da cultura organizacional e subsistemas de RH. Depois da Andrade Gutierrez, atuou como Head de RH e Comunicação desde o início da GNA, Joint venture entre Prumo, Bp e Siemens, destacando-se pela implantação de uma Cultura Organizacional forte e pelas ações de diversidade de gênero reconhecidas por instituições internacionais.

foto Leticia Villa-Forte

Letícia Villa-Forte é formada em engenharia de produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e mestre pela École Centrale Paris, com especialização em Gerenciamento de Projetos pela ESSEC Business School. Com vasta experiência em fusões e aquisições, a executiva trabalhou em bancos de investimento como Lehman Brothers e Rothschild & Co por vários anos, participando em múltiplos projetos de M&A em diversos setores. Após este período, Villa-Forte liderou a área de Desenvolvimento e Inteligência de Negócios da Prumo, participando também do M&A e da estruturação da Açu Petróleo, além de apoiar outras transações e iniciativas financeiras da Prumo e do Porto do Açu. Antes de se juntar novamente à diretoria da Prumo, ela atuou como CEO da BP-Prumo/NFX por 2 anos, joint venture entre a Prumo e a BP com foco em importação e comercialização de combustíveis marítimos.

foto Mauro Andrade

Formado em economia, Andrade possui especialização em Teoria Econômica pela FGV, MBA em Petróleo e Gás pela Coppe/UFRJ e um Mestrado em Economia pelo IE/UFRJ, além de formação em programas executivos na Haas em Berkeley, Universidade da Califórnia. Com mais de 20 anos de experiência em upstream, Andrade atuou por 3 anos na ANP e por 7 na Deloitte como consultor de negócios atendendo a clientes nos EUA, Reino Unido e Brasil. Em 2009, se juntou à Equinor, onde assumiu diversos cargos de liderança como vice-presidente de Assuntos Externos e Regulatórios, de Supply Chain para a América do Sul e de Supply Chain Internacional. Até o final de 2020, respondia pelo cargo de consultor sênior de Desenvolvimento de Novos Negócios em Renováveis na norueguesa.