Conheça o
Porto do Açu

Mais do que um porto

Único porto-indústria privado do Brasil e um dos maiores investimentos em infraestrutura no país, o Porto do Açu cresce de maneira notável desde o início de suas operações, em 2014. O empreendimento portuário de destaca como solução logística eficiente para alavancar a competitividade brasileira: possui o terceiro maior terminal de minério de ferro do Brasil, é responsável por 30% das exportações brasileiras de petróleo, ergue o maior parque térmico da América Latina e abriga a maior base de apoio offshore do mundo. 

logo GNA

Maior parque termelétrico da América Latina.

Responsável por 30% das exportações de petróleo brasileiras.

logo ferroport

Terceiro maior terminal de minério de ferro do Brasil.

Maior base de apoio Offshore do mundo.

edison chouest offshore

Localização estratégica

Situado no sudeste do Brasil, região que corresponde à 54% do PIB brasileiro, e próximo às principais bacias de petróleo

Solução integrada

Plataforma pronta para impulsionar a sustentabilidade e o valor compartilhado das cadeias de O&G

Potencial único para industrialização

Infraestutura portuária de classe mundial, moderna administração privada e distrito industrial afastado de grandes centros urbanos

Conheça mais sobre as oportunidades no Porto do Açu.

Saiba mais sobre as empresas instaladas no Açu

No Açu desde 2014, a empresa oferece uma base de proteção ambiental e logística offshore para atendimento a emergências.

Além da fábrica mais moderna de tubos flexíveis do mundo instalada no Açu, a empresa também conta com uma base de spool no porto.

Empresa global com unidade de produção de tubos flexíveis instalada no Açu para apoio à indústria offshore.

Integrante do Grupo Acteon, a empresa presta serviços de ancoragem para plataformas e FPSO’s.

Empresa americana líder em soluções de transporte marítimo com a maior base de apoio offshore do mundo instalada no Açu.

Empresa à frente da administração portuária do Açu, oferecendo aos clientes soluções customizadas, com foco em eficiência e segurança.

Empresa espanhola, que instalou no Açu sua primeira planta de montagem de módulos no Brasil para atender a indústria de óleo e gás.

Empresa com 10.000 m2 de área dedicada para o fornecimento de oferecer serviços de logística os clientes do Porto do Açu.

Centro de conveniência dedicado aos clientes do Açu, com salas comerciais, lojas e um centro médico.

Empresa responsável pela construção do maior parque termelétrico da América Latina, cuja primeira usina, UTE GNA I, entrou em operação em 2021.

Primeira empresa instalada no Açu, em 2014, para a movimentação de minério através do seu Terminal de Minério, que conecta o RJ a MG.
Focada na extração e processamento de metais do grupo da platina, a empresa detém 50% da empresa Ferroport, responsável pelo do terminal de minério de ferro.

Afiliada da Prumo, realiza transbordo de petróleo abrigado no Terminal de Óleo do Porto do Açu. É uma companhia que pertence 100% à holding, com operações iniciadas em 2016. A Vast é dedicada a oferecer infraestrutura e soluções logísticas para a movimentação de líquidos de forma segura, limpa, eficiente e sustentável, para o mercado de Energia. Atualmente é responsável por 30% da exportação de petróleo do país, sendo que as principais petroleiras já operam no terminal.

Com 460m de cais no canal de entrada do Terminal 2 do Açu prontos para operação, oferece serviços de logística, manutenção e reparo para a indústria offshore.

logo bp marine

Empresa com terminal de combustíveis instalado no Açu para a distribuição de combustíveis marítimos, atendendo demandas de navios dos mais variados portes e atividades.

logo aeródromo

Construído pelo grupo Aeropart, o aeródromo irá servir de base de apoio offshore, podendo abrigar até 20 helicópteros de grande porte.

Porto do Açu Operações e Vibra Energia inauguraram em 2021 o Ponto de Abastecimento do Açu. Veículos e equipamentos das empresas que atuam no complexo portuário podem abastecer com diesel, facilitando a logística e reduzindo custos.
Novo pátio de 35 mil m² com foco na importação de combustíveis sólidos para as indústrias siderúrgica e cimenteira. A empresa ficará responsável pelo investimento e gestão do pátio, com a operação portuária sendo realizada pelo T-MULT no modelo de descarga direta.